domingo, 15 de fevereiro de 2009

Academia

domingo, 15 de fevereiro de 2009


Débora, tal qual minha impressora, é multi-funcional, pois ataca de amiga, poeta, militante política e até psicóloga. Para mim é prazer brindar os meus leitores com esta belíssima poesia, que muito nos faz refletir acerca dos intelectuais da atualidade e do que as academias estão formando hoje em dia. É isso aí, Débora, é na participação na vida acadêmica, na política e na poesia que se luta por intelectuais mais autênticos...





Academia

Débora Silva


Nasceste como templo sagrado

dos que pensam.

Retumbante em tua voga

clamou por almas inconsoláveis


Vieste, porém, a esta nação

para mudar, transformar.

Modificar.

Encéfalos absurdos

agonizantes por uma gota do puro néctar.

O despertar das ilusões.

Droga do saber?

Na razão quiseste mostrar

como são vagos nossos pensamentos

e infinito nosso pesar


Hoje, porém,

Mãe Capitalista!

O que pretendes formar?

Intelectos formalistas,

ou apenas máquinas de pensar?



0 comentários:

Postar um comentário

Olá! Vai comentar esta minha postagem? É muito simples, bastando seguir os seguintes passos:

i) escreva a mensagem;
ii) escolha o perfil com o qual deseja postar o comentário. Por exemplo: você pode escolher

a) “Conta do Google” caso utilize o Gmail. Nesse caso será solicitada sua ID e senha;
b) “WordPress” caso tenha conta no WordPress;
c) “Nome/URL”, sendo-lhe solicitado o seu nome e endereço do seu site/blog;
d) “Anônimo”;

iii) em seguida é só clicar em “Postar comentário” e pronto!

Obrigado pela visita.
Forte abraço.

Alex

 
(Marm)anjo caído... ◄Design by Pocket, BlogBulk Blogger Templates ► Distribuído por Templates